Dieta Alcalina promete emagrecimento efetivo

dieta-alcalina-promete-emagrecimento-efetivo

O que é uma dieta alcalina?

Dieta alcalina é um programa de alimentação que tem como base a ingestão de alimentos específicos com o intuito de promover o equilíbrio da alcalinidade sanguínea.

Por que adotar uma dieta alcalina?

O pH do nosso sangue é em média 7,4, ou seja, com uma leve inclinação par a alcalinidade. Este é o ponto de equilíbrio do sangue, sendo que outros órgãos podem apesentar leve alteração para mais ou para menos.

Acidez no sangue é ruim?

A acidez no sangue pode ocasionar problemas como úlceras, artrite, problemas de pele, osteoporose, fadiga e depressão.

dieta-alcalina-alimentos-alcalinos-cuidam-saude

Índice de acidez/alcalinidade:

0 a 7 – ÁCIDO – maior concentração de íons de hidrogênio e menor de oxigênio

7 – NEUTRO –  mesma concentração de oxigênio e de íons de hidrogênio

7 a 13 – ALCALINO –  maior concentração de oxigênio e menor de íons de hidrogênio – Nosso sangue situa-se nesta faixa (7,4).

Só com alimentos alcalinos meu sangue fica equilibrado?

A alimentação não é o único fator que influencia no pH do sangue, mas é um  dos mais importantes e, preventivo. Uma boa alimentação deve preservar o pH do sangue porque quando há um desequilíbrio neste índice, o organismo busca maneiras de retomar a normalidade. Uma das formas de se autorregular é utilizando o cálcio dos ossos. Por este motivo diz-se que a ingestão frequente de refrigerantes pode causar osteoporose. É uma causa indireta, já que, ao acidificar o sangue, o refrigerante força o organismo a buscar nas reservas de cálcio, o nutriente que vai fazê-lo retomar o equilíbrio.

Outros fatores que desequilibram o pH do sangue

Ar,  cigarro, dependência química,  água de má qualidade – se for mais ácida que o sangue, vai prejudicar o equilíbrio, stress. O stress cria um círculo: gera acidez no sangue e a acidez no sangue gera mais stress. É preciso parar isso de alguma forma. Dá para começar diminuindo a acidez com a alimentação.

Alimentos com pH3 – Evite!

Água com gás,  energético, álcool, fritura, sal, açúcar refinado, enlatados e embutidos, cigarro, refrigerante. Quando você ingere 1 copo de refrigerante precisará de 30 copos de água boa para que o sangue retome o equilíbrio.

Alimentos com pH4 – Modere o consumo

Leite e derivados, carne de porco, chá preto, chocolate, adoçante.

Alimentos com pH 5 – Modere o consumo

Carne vermelha, café, farinha branca e arroz branco.

Alimentos com pH 6 (quase neutro) 

Ovo, peixe, frango, feijão, leite de soja, cereais integrais.

Alimento com pH 7 (neutro): Água mineral – Consuma à vontade

tabela-alimentos-alcalinos-ácidos-para-dieta-alcalina

 

Alimentos alcalinos – Consuma à vontade

Frutas em geral (in natura pra manter as fibras. Se precisa emagrecer, modere o consumo porque engorda).  verduras, hortaliças e oleaginosas.

Se eu seguir esta dieta, nunca mais vou poder comer doces?

Nunca mais é muito tempo, né? Sabemos que o açúcar é um alimento que traz grandes prejuízos à saúde. Mas, é bem difícil erradicá-lo da nossa vida. Por isso, a dieta alcalina propõe que nossa alimentação seja de 70 a 80% de alimentos alcalinos e apenas de 20 a 30% de alimentos ácidos. Ou seja, não é preciso abandonar para sempre o docinho. Mas, para o nosso bem ele só deve aparecer na nossa mesa lááá de vez em quando.  Segundo os criadores da dieta, isto é suficiente para manter o equilíbrio do pH do sangue.

dieta-alcalina-promove-equilíbrio

Benefícios da dieta alcalina

Manter o pH do sangue equilibrado melhora o metabolismo, promove a eliminação de toxinas de forma mais efetiva e ajuda a diminuir a retenção de líquidos. Você vai se sentir melhor, no geral. E tudo isso auxilia no emagrecimento.

O que dizem os que são contra a dieta alcalina:

Quem não concorda ou não recomenda a dieta alcalina argumenta que não é preciso se preocupar com isto porque o corpo tem um mecanismo que se autorregula sempre que acontece qualquer desequilíbrio.

O que dizem os que são a favor da dieta alcalina:

Sim, o nosso organismo é muito inteligente. Ele busca sempre manter o equilíbrio. Mas, para isso, ele precisa de matéria prima. E no caso de consumirmos alimentos que promovam a acidez sanguínea, nosso organismo vai entrar em processo de homeostase.

O que é homeostase

Homeostase é o processo que busca promover o equilíbrio do pH sanguíneo através da retirada de minerais (cálcio, magnésio, potássio e sódio) de órgãos como fígado, rim, pulmão e ossos.

Bem, se fizermos isso com muita frequência, com o decorrer dos anos vamos ficar deficientes nesses minerais. E isto é uma porta aberta para inúmeras enfermidades.

Sintomas de um organismo muito ácido

Enxaqueca, cansaço, fadiga (a pessoa dorme mas não descansa), problemas de pele, intestino muito preso ou mito solto, cólica, gases.

Consequências de um organismo muito ácido

Envelhecimento acelerado; desenvolvimento de doenças degenerativas. Este  tipo de alimentação mantém o seu organismo em trabalhando constante para manter o equilíbrio. E isto desgasta o corpo mais do que o normal. O desgaste causa stress, e o stress, causa mais desgaste. Entra-se num ciclo difícil de se sair.

Dica muito eficaz

Todo o dia pela manhã um copo de água morna com meio limão

Gostou do post? Compartilhe com seus amigos. Eles vão gostar!

E para aprender tudo o que você precisa para emagrecer com saúde e definitivamente, clique na imagem abaixo.

 

Já pegou o seu informativo?
O melhor conteúdo no seu e-mail. Inscreva-se

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *